Ysabella sonha

"- As almas das poetisas são todas feitas de luz, como as dos astros: não ofuscam, iluminam...."

Textos

 
 
 
 Por instantes sentiu-se dona de si. Escondeu
os segredos e as incoerências que julgava
código de sua vida. Envergonhava-se desses sentires
Suavemente despiu-se das inquietações, aquietou-se
corpo e pensamento que desafiavam seus desejos abafados

Borrifou sândalo nos cabelos, tocou-se e res-
gatou enfim para si desejos e sensações que
ainda não havia descoberto.
Sentiu-se mulher.
ysabella
Enviado por ysabella em 30/04/2021
Alterado em 01/05/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras